Crustáceos



Os crustáceos são animais invertebrados que têm um exoesqueleto (esqueleto externo), na forma de uma carapaça. Formam um grupo bastante numeroso com cerca de 50.000 espécies, principalmente composta por organismos marinhos, mas também existem crustáceos de água doce e terrestre.

Podemos encontrar crustáceos em praticamente todos os ambientes, desde as fossas abissais dos oceanos, até em lagoas temporárias dos desertos.

O exoesqueleto dos crustáceos é formado por quitina. Para poderem crescer, eles têm de se desfazer do exoesqueleto “apertado” (muda ou ecdiase), e formar um novo.

Algumas espécies (cracas e lepas) possuem conchas, como os moluscos.

A grande maioria dos crustáceos, passa por um estágio de larva flutuante, fazendo parte do plâncton, base da cadeia alimentar dos mares.

Existem formas muito pequenas de crustáceos que servem de alimento para os maiores seres vivos sobre a face do planeta; as baleias azuis, hoje quase extintas. Outras formas maiores como o siri, o caranguejo, o camarão e a lagosta servem de alimento para outros animais, inclusive o ser humano.

Os crustáceos são muito variados não só quanto ao tamanho, mas também quanto ao estilo de vida. Alguns andam sobre o fundo (caranguejo), outros nadam (siri) e outros, ainda, passam a vida fixos, filtrando a água, para obter alimento.