Home > > Instituto Argonauta recebe Atobás presos em linhas de pesca!

Instituto Argonauta recebe Atobás presos em linhas de pesca!

Publicado em 20 de agosto de 2014

1 2

 

Neste domingo (10), o Instituto Argonauta recebeu um chamado da Praia do Tenório, pois havia três Atobás, enrolados em linhas de pesca com anzóis.

Duas das aves já estavam mortas, a outra foi levada ao CRETA (Centro de Reabilitação e Tratamento de Animais Aquáticos), onde recebeu cuidados veterinários para a retirada das linhas e anzóis presos, passou por exames, foi hidratada, alimentada e descansou.

Sem nenhuma patologia, esta bem e em observação. A equipe aguarda o reestabelecimento da asa e estima que na próxima semana, ela já poderá ser reintroduzida.

Este é mais um dos inúmeros casos de mortes de animais provocado pela ação humana em especial  pela chamada “pesca fantasma”. As chamadas “artes de pesca” como linhas com anzóis e redes  usadas tanto por pescadores amadores quanto profissionais, são perdidas ou abandonadas pelos mesmos que muitas vezes não imaginam o enorme prejuízo que estão causando aos animais marinhos e aquaticos

Só neste mês, fomos informados de mais dois casos de acidentes com animais provocados pela “pesca fantasma”: Uma Garça morta com um anzol no esôfago e um Lobo Marinho encontrado na Praia de Boraceia com três anzóis nas costas.

Desta forma fica aqui o alerta: “Prezado pescador, tente ao maximo recolher e minimizar  os restos de sua atividade no meio ambiente, não abandonando linhas com anzóis e redes no mar e nos rios”.

Videos